HORTELÃ - Mentha piperita L.

HORTELÃ - Mentha piperita L.

 11/08/2020

Mentha piperita L.

(Hortelã-Pimenta)

Parte Utilizada:

Folhas

Padronização / Marcador:
Mentol 30%-55% e mentona 14%-32% [1].

Ações Farmacológicas:
Carminativo, expectorante, [1]. Ação antiespasmódica direta sobre a musculatura lisa do trato digestivo. (2, 3). Apresenta ainda efeitos colerético (2), colagogo (3) e carminativo. (2, 3). O óleo volátil apresenta, além desses efeitos, ação antibacteriana e refrescante. (3)

Indicações oficiais:
Cólicas intestinais, carminativo, expectorante [1].

Indicações tradicionais:
Queixas espásticas do trato gastrintestinal. (2, 3)
Disfunções da vesícula e dos ductos biliares. (2, 3)
Perda do apetite. (2, 3)

Apresentações, Forma Farmacêutica, Posologia e Protocolos:

Uso oral:

 Extrato líquido, tintura, gotas orais, elixir, xarope comum, dietético ou melitos (xarope de mel) do óleo essencial com dose diária equivalente a 0,2g a 0,8 g [1].

Efeitos Colaterais e Reações Adversas:
Pode causar alergia, devido à concentração de mentol. Pode aumentar a concentração plasmática da felodipina (antagonista de canais de cálcio) [4]. Pode proporcionar desconforto gástrico, azia, visão ofuscada, náusea e vômito. [4]

Precauções, Restrições, Cuidados, Advertências, Interações, Contra-indicações
Superdosagem, Informações Adicionais:

Contra-indicado nos casos de obstrução biliar, inflamação da vesícula biliar e em pacientes com danos hepáticos. Doses excessivas podem causar nefrite intersticial e insuficiência renal aguda [4].

Referências: 
[1] ANVISA, Resolução RE no 89 - Lista de Registro Simplificado de Fitoterápicos, 16/03/2004.
[2] Blumenthal, Busse, Goldberg, et als – The Complet German Comission E Monographs – Therapeutic Guide to Herbal Medicines – The American Botanical Council - Boston , Massachusetts – 1998
[3] PDR for Herbal Medicines – The Information Standard for Complementary Medicine – Medical Economics Company – Montevale, New Jersey – 1998
[4] CAPASSO, F., GRANDOLINI, G., IZZO, A.A. Fitoterapia – Impiego razionale delle droghe vegetali. 3a. ed. Verlag, Itália: Springer, 2006.