LOSNA - Artemisia absinthium L.

LOSNA - Artemisia absinthium L.

 07/08/2020

Artemisia absinthium L.

(Losna)

Parte Utilizada: Partes aéreas 

Padronização / Marcador:
Tujona

Ações Farmacológicas:
Antifúngica, antibacteriano, antimalárica, antiinflamatória, antioxidante, estimula secreções digestivas [1], 

Tradicional:
Uso Interno: Distúrbios digestivos, dispepsias,
analgésica, antiespasmódica e anticonvulsiva,  dispepsia, astenia, epilepsia, dores reumáticas, febres, anemias e para expelir parasitos intestinais. Para cólicas intestinais, como digestivo e como tônico da circulação sanguínea é indicada na forma de chá. É  usada para distúrbios e cólicas menstruais [2]. 

Uso Externo:
Aplicação localizada contra escaras, feridas, piolhos e lêndeas.

Apresentações, Forma Farmacêutica, Posologia e Protocolos:

Uso interno:

Infusão (rasura):
-Cólica menstrual: 30 g de flores e folhas secas, em 1 litro de água fervente. Beber em jejum 1 xícara pela manhã, nos 4 a 5 dias que antecede a menstruação e beber 3 xícaras ao dia da infusão acima descrita, durante o período menstrual. Dose máxima diária: 200 mL;
- Digestivo: 15 g de folhas e/ou flores em um litro de água. Utilizar 2 a 4 xícaras por dia; - 1 colher de sopa em 1 litro de água quente. Cobrir e deixar macerar por 10 minutos. Tomar 1 xícara de chá após as refeições 

Tintura
20 a 50 gotas em 1/2 copo de água após as refeições. 

Uso tópico
Forma de infusão, creme ou shampoo

Efeitos Colaterais e Reações Adversas:
Hipersensibilidade à (s) substância (s) activa (s) e outras plantas da família Asteraceae [1] .

Precauções, Restrições, Cuidados, Advertências, Interações, Contra-indicações
Superdosagem, Informações Adicionais:

Deve ser usado por no máximo duas semanas e nas doses recomendadas [1]. 
Contra indicado para menores de 18 anos, gestantes, pessoas com cálculo biliar ou doenças do fígado [1] .

Referências: 

​[1] European Medicines Agency Evaluation of Medicines for Human http://www.emea.europa.eu - European Medicines Agency, 2008. 

[2] CHEVALIER,A. O grande Livro das Plantas Medicinais. Publifolha. 2009